VOCÊ ESTÁ AQUI:
  • Prefeito apresenta Plano Viário e Reestruturação da Mobilidade
Prefeito apresenta Plano Viário e Reestruturação da Mobilidade
  • Fonte: Assessoria - Prefeitura de Porto Velho
  • Publicada em 07/12/2017 às 18:37
Plano vai orientar ordenamento da capital pelos próximos anos, além de organizar a licitação do transporte público

A organização das ruas e avenidas da capital, suas sinalizações, sentido, calçadas, acessibilidade, enfim o planejamento para os próximos vinte anos começou a ser discutido com a sociedade na noite de quarta-feira (6), no auditório da biblioteca Francisco Meireles, quando o prefeito dr Hildon Chaves fez a apresentação do Plano Viário e de Reestruturação da Mobilidade Urbana que será encaminhado à Câmara de Vereadores, onde será debatido com a sociedade durante audiências públicas que serão realizadas.

Na oportunidade, dr Hildon aproveitou para apresentar o novo secretário do Transporte e Mobilidade Urbana, Fábio Sartori Vieira, que além da graduação em engenharia de tráfego, pela USP, possui mestrado e é doutorando em engenharia de tráfego. A elaboração do plano foi financiada pela Usina de Jirau, ainda em 2014, como parte das compensações sociais, só que não foi aproveitado pela gestão anterior. Com isso, tornou-se obsoleto enquanto adormecia em alguma gaveta da Secretaria Municipal do Trânsito (Semtran).

Ao assumir, o prefeito dr Hildon Chaves determinou que fosse feita uma reestruturação de todo o plano para sua aplicação. O prefeito pediu também para incluir uma modelagem moderna para licitação do transporte público. Tanto a implantação do plano viário e de mobilidade quanto a licitação do transporte coletivo serão concluídas num prazo de cinco meses.

O prefeito dr Hildon Chaves lamentou que o plano não tenha sido colocado em prática pela gestão anterior. “Se já estivesse valendo teria evitado muitos problemas hoje existentes”, disse. O plano vai evitar situações, como as que se registram na zona leste, onde todas as avenidas sofrem estreitamento da caixa viária devido a invasões que contaram com a permissividade e omissão de prefeitos relapsos, É assim com a Rio de Janeiro, Amazonas, Sete de Setembro, enfim, diversas vias, começam com uma caixa espaçosa no centro e estreitam nos bairros.

Obrigatório por lei para todos municípios com população acima de vinte mil habitantes, o Plano começará a ser debatido nos próximos dias. A Semtran vai divulgar nos próximos dias a programação das reuniões para tratar do tema.

  • Atualizada em 07/12/2017 às 18:38:41